Webmail:  

A Cidade de Catu

Município do estado da Bahia / 78 km de Salvador



Área Territorial

Área: 416,217 km² [2]
Latitude: 12º 21' 11" S
Longitude: 38º 22' 44" W
Altitude: 100m
Clima: Tropical AS (a estação seca ocorre durante a época de Sol mais alto e dias mais longos)
Densidade Demográfica 2010: (hab/km²) 122,72
Temperatura Média: 29º C

Dados Populacionais

De acordo com o último censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) realizado em 2010, Catu tem 51.077 habitantes. 
- População estimada pelo IBGE em 2017 é de 56.459 habitantes
- Domicílios ocupados no Catu: 15.066
- Crescimento populacional no Catu: 9,30% (10 anos)
- População masculina do Catu: 24.816 homens no Catu
- População feminina do Catu: 26.261 mulheres no Catu
- No Catu temos 0,95 homens para cada mulher
- No Catu temos e 1,06 mulheres para cada homem
- No Catu temos a população urbana de 42.749 pessoas
- No Catu temos a população rural de 8.328 pessoas
- Densidade demográfica em 2010, é de 122.72 habitantes por quilômetro quadrado

Histórico 

Gentílico: Catuense

Quando os portugueses aportaram na Bahia, viviam no território onde hoje esta situado o Município de Catu, os aguerridos Patachós e Tupiniquins, que mais tarde imigraram para os sertões, fugindo à penetração dos colonos portugueses. 

Até 1782, são imprecisas e vagas as notícias históricas. A área onde foi edificada a cidade de Catu integrava as terras das sesmarias do conde da Ponte, para onde afluiu grande número de colonos. Coube à igreja católica dar o primeiro passo para a fundação da freguesia de Santana do Catu abrangendo a vastidão daquelas terras. 

Assim, o então 12° Arcebispo da Bahia, Dom Antônio Correia, em 1787, fundou aquela freguesia. Quase meio século depois, isto é, a 23 de julho de 1830, reuniram-se na mesma, em casa do visitador, Padre João Nepomuceno Moreira de Pinho, os vigários de Santana do Catu e o de Alagoinhas, para acertarem a demarcação dos limites de suas freguesias e chegaram a tal acordo. Essas divisas foram reconhecidas a 26 de junho de 1863 pelo presidente da Província, Dr. José Bonifácio Vasconcelos de Azambuja. 

O Município de Santana do Catu surgiu a 26 de junho de 1868. 

Formação Administrativa 

Em virtude da Lei provincial n.° 1.058, de 26 de junho de 1868, criou-se o Município com a denominação de Santana do Catu, com território desmembrado da então denominada Vila de São Francisco, ocorrendo sua instalação a 6 de março de 1877. 

Na divisão administrativa do Brasil, de 1911, o Município compunha-se dos distritos de Santana do Catu (sede), Pojuca e São Miguel, perdendo o segundo pela Lei estadual n.° 979, de 29 de julho de 1913, quando elevado a categoria de Município. Santana de Catu teve o nome simplificado pelo Decreto estadual número 7.455, de 23 de junho de 1931, ratificado pelo de número 7.479, de 8 de julho do mesmo ano. Foi elevado à categoria de Cidade em 30 de março de 1938. 

Desde o Decreto estadual n.° 11.089, de 30 de novembro de 1938, que o município é formado de 3 distritos: Catu (sede), Bela Flor (ex-São Miguel) e Sítio Novo. Catu é sede de Comarca desde 29 de maio de 1966, quando foi instalada. 

Economia

A economia da cidade é baseada no setor petrolífero e comercial.

Como Chegar

O município de Catu está localizado as margens da BR 110, no Km 354, fica a 78 Km de Salvador , 32 km de Alagoinhas e 110 km de Feira de Santana. Catu está inserido no Território do Litoral Norte e Agreste Baiano.